terça-feira, 27 de maio de 2008

Nunca desista de Amar

"O amor é um milagre
que não acontece todos os dias...
Ele chega sem avisar,
nos toma a maior parte do dia
e quando chega a noite,
ele queima por dentro da gente.
O amor nos dá asas,
nos faz acreditar na liberdade,
nos faz acreditar que é possível,
que alguém, em algum lugar,
faz tudo pra nos fazer contente.
O amor lapida até a mais antiga pedra.
Nos faz sonhar acordados, nos perdoa,
quando estamos desolados.
Nos levanta, quando não temos mais forças,
nos acalenta, quando estamos sozinhos.
O amor, pela simples palavra,
nos faz sentir importantes, quando,
muitas vezes, estivemos no fundo do poço.
O amor, em sua cor toda branca,
não pode ser manchado,
nem usado pra outros fins,
porque por ser intenso,
por ser maravilhoso,
deve ser cuidado, deve ser acreditado,
pra que nunca, em nenhum momento,
estejamos diante deste amor, magoados..."
Autor: (Angela Lara)


Nunca deixar de te Amar
"Rápido como uma estrela cadente a viajar,
meus olhos vieram a te encontrar.
Com força avassaladora meu coração começou a te amar,
encontrei em você felicidade única singular,
pura e simples fixas no teu olhar.
Olhar que à mim faz viajar,
faz meu coração sentir-se livre ao ponto de voar,
voar alto, longe, distante, para encontrar teu coração,
o mas puro diamante.
Jóia a qual eu amo e que pensei
estar longe não o bastante ao ponto de por um instante,
sentir-me o último amante.
Amor este que pensei nunca poder sentir
mas que em segundos começou a me invadir.
Dádiva do céu, presente de Deus,
agradeço com lágrimas nos olhos meus,
a linda flor que em meu coração veio a brotar,
prometo nunca, nunca parar de lutar, nunca!
Atrás voltar, prometo perante todos e a mim mesmo
nunca deixar de te amar!"
Autor: (Denis Diniz)


"Um dia, a FÉ, a ESPERANÇA e o AMOR
saíram pelo mundo para ajudar os aflitos.
Quem das três, seria capaz de realizar
o melhor trabalho para a glória de Deus?
A beira da estrada da vida encontraram
um homem pobre que sofria com uma
doença que o deixou paralítico desde nascença.
Mendigava às almas caridosas a fim de sobreviver.
Diante daquela situação,
a FÉ tomou a frente da Esperança e do Amor
para resolver o caso. Disse:*
Esperem aqui, vou realizar minha obra na vida
daquele infeliz e tirá-lo daquela situação.
A FÉ trouxe ao homem a palavra de Deus
e assim ela foi reproduzida no coração dele.
Imediatamente aquele homem se rebelou
contra aquela situação e usou a FÉ que tinha no coração
para determinar sua cura e, no momento em que orava,
seus ossos e juntos tornaram-se firmes.
Finalmente ficou de pé e saltou de alegria.
Não precisava ficar mais a beira da estrada
para mendigar e muito menos padecer todas
as dores de antes.Passadas algumas horas,
o homem não tinha para onde ir. Nem casa,
nem profissão, que lhe desse condições de se
estabelecer na vida.Neste momento a ESPERANÇA
sentiu que era chegada a sua vez de trabalhar.
Ela o levou para o alto da montanha e fez com que
ele visse os férteis campos da terra. Desta maneira,
foi mudando o seu coração e o homem entendeu
que podia prosperar.Movido pela força da ESPERANÇA,
ele se pôs a caminho. Logo conseguiu um emprego,
em uma fazenda próxima, e rapidamente aprendeu
a cultivar a terra. Em pouco tempo, tinha juntado
o suficiente para comprar seu próprio campo.
Com FÉ e ESPERANÇA, renovava suas forças a cada dia,
e em poucos anos expandiu grandemente seus negócios.
Suas colheitas eram exportadas em navio,
alcançando portos de todo o mundo.
Ele tinha muitos empregados e se tornou
o homem mais rico da terra. A FÉ e a ESPERANÇA
estavam satisfeitas com o maravilhoso trabalho que
haviam produzido na vida daquele homem.
Então disseram ao Amor:*
"Não te preocupes em realizar tua obra.
Vês, que juntas, mudamos completamente a vida deste homem,
fazendo-o forte e próspero".
Assim, o Amor partiu em busca de alguém a quem pudesse ajudar.
O império daquele homem se expandia por todo o lado,
de forma que eram tantas as casas que muitas delas nem sequer conhecia.
Viajou o mundo inteiro e nada mais havia que o surpreendesse.
Mas com o passar do tempo o homem foi ficando triste e enfastiado.*
"Tenho tudo que um homem possa desejar" dizia ele,
"mas ainda me sinto vazio".A FÉ e a ESPERANÇA conversavam
o que podiam fazer para torná-lo forte como antes?
Ele agora não precisava do milagre da cura nem da Esperança
para crer no sucesso do seu futuro, pois era muito rico.
Então as duas foram correndo em busca do AMOR para lhe pedir ajuda.
O AMOR voltou com elas e realizou sua obra no coração daquele homem.
Ao sentir AMOR, ele passou a entender Deus e a sua mais extraordinária obra.
Surgiu a necessidade de ajudar outros com os mesmos problemas que os seus.
A FÉ e a ESPERANÇA entenderam que embora suas obras
tivessem sido de grandeza extraordinária... com o passar do tempo,
sem AMOR, tudo perdia o sentido.
A FÉ é rápida.... a ESPERANÇA permanece por mais tempo,
mas oAMOR...
NÃO ACABA NUNCA !!!"
(Autor desconhecido)
Postar um comentário